George Ivanovich Gurdjieff

gurdjieff

Gurdjieff (1866-1949) nasceu na fronteira da Armênia, em Alexandropol. É o fundador do Quarto Caminho, uma escola que visa despertar seus alunos para uma nova perspectiva de si mesmo e da realidade. Uma das frases mais famosas atribuídas a ele e que sintetiza suas ideias é: “O homem vive sua vida no sono, e no sono ele morre.” Talvez a herança mais importante da Escola de Gurdjieff tenha sido o fato que, essa ideia básica de que o homem está adormecido acabou por ser incorporada nas massas e passou a ser praticamente de domínio público. É importante frisar que essa idéia em si não é nova, mas, ela parece ter sido incorporada depois do trabalho de Gurdjieff e seus discípulos. O corpo de conhecimento de Gurdjieff consiste em uma das tentativas mais importantes, que surgiu ao longo da humanidade, de promover um crescimento genuíno do ser humano. Por ser extremamente direto, prático e objetivo, ele oferece pouco espaço seja para condescendência com o estado de adormecimento ou ilusões e fantasias acerca de um falso crescimento.

Biografia resumida de G. I. Gurdjieff
As Cartas

Sugestão de Livros:

Beelzebub’s Tales to His Grandsonversão em espanhol
versão em inglês (edição de 1950)
versão em português (Horus 2003)

Encontros com homens notáveis (versão em inglês)
Gurdjieff fala a seus alunos
Views from the Real World

Biografias sugeridas

J. Moore – Gurdjieff: a biography
R. H. Reyner – The Gurdjieff Inheritance
J. Webb – The Harmonious Circle
J. Needleman – G. I. Gurdjieff and his school
K. Kulczyk – Gurdjieff – An Introduction to His Teaching

Outros

An international review
Meetings With a Remarkable Paradox by Richard Smoley